Notícias

19 de maio de 2022

Sustentabilidade

ESG: quais são as ações ambientais do Instituto Ramacrisna?

A Agenda ESG se refere a práticas empresariais e de investimento que se preocupam com a sustentabilidade social, ambiental e de governança.

O ESG é uma sigla para Environmental, Social and Governance, ou Ambiental, Social e Governança, em português. Trata-se de um conceito que descreve o quanto uma organização utiliza meios para minimizar os seus impactos ao meio ambiente, se preocupa com as pessoas e adota boas práticas administrativas. 

No Ramacrisna, cada vez mais o tema vem ganhando destaque nas nossas atividades. A seguir, você vai conhecer como o Instituto trabalha o ambiental.

Mesmo antes da criação do termo ESG, o Ramacrisna já investia em práticas ambientais para a conservação dos espaços e apoio às ações sociais do Instituto. Desde pequenas atividades como a redução e reuso de material de escritório, até a instalação de placas de energia limpa e renovável. 

Além disso, o Ramacrisna tem papel fundamental na educação ambiental de crianças e adolescentes, ajudando na melhora da relação entre a comunidade e a natureza.

Conheça as ações ambientais do Instituto. 

Por que investir no meio ambiente?

O Ramacrisna acredita que a preservação do Meio Ambiente é fator primordial para a qualidade de vida que as próximas gerações herdarão em nosso planeta. Por isso, trabalhamos na formação continuada oferecida às crianças, jovens e adultos participantes do projeto, que multiplicam esses valores com suas famílias e comunidades.

E isso acontece em pequenas ações do dia-a-dia. A vice-presidente do Instituto, Solange Bottaro, destaca que a localização é um fator importante para incentivar a preservação. “Como estamos localizados em uma área rural, cercados por uma mata que a gente preserva, é uma forma de conscientizar nossos alunos. É um trabalho com as crianças desde os 6 anos para elas entenderem que todas as pessoas são responsáveis na construção de um mundo melhor”, explica. 

As crianças e adolescentes funcionam como influenciadores das informações, levando-as para a família e para a comunidade. “Nosso trabalho de conscientização funciona desde 1974, quando não existiam os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, ESG nem nada para nortear as nossas ações pioneiras”, destaca.

Além de participar de discussões sobre o ambiente, o Instituto também realiza as seguintes ações:

Reciclagem de óleo

Todo o óleo utilizado na Escola de Mecânica de Automóveis e na Fábrica de Telas é destinado a uma empresa parceira, que realiza o tratamento e o beneficiamento do material. 

Eficiência energética

Realizado em parceria com a Cemig, trocou motores, lâmpadas e fios para um desempenho mais eficiente. Todas as lâmpadas da Instituição são de led.

Compostagem

Iniciado em 2014, o trabalho de compostagem realiza o reaproveitamento do lixo orgânico da cozinha, além de folhas secas e aparas de grama.  

O material fica maturando durante 4 meses, quando o composto, então, é retirado e fica por mais um mês curtindo. O processo é separado por cercadinhos de madeira e placas com datas. Quando o composto se transforma em adubo orgânico, ele é utilizado nos jardins do Ramacrisna. 

Aquecimento solar de água

Com tubos a vácuo, a água quente promove a higienização de todo o material utilizado na cozinha e dos alimentos com mais economia, além do aquecimento do buffet e dos chuveiros.

Usina fotovoltaica

Em agosto de 2020 foi instalada uma usina fotovoltaica no Ramacrisna. Através de placas solares, instaladas nos telhados, é gerada energia limpa e renovável.

Desde então o Ramacrisna passou a ter uma economia de 80% na fatura de sua energia elétrica, o correspondente a cerca de R$ 60 mil por ano, que são destinados aos projetos sociais.

“É uma forma de reverter toda a poluição e destruição que vem ocorrendo há décadas com a exploração de energia. Tudo que o Instituto consegue promover é nesse sentido, de utilizar tudo que é positivo, preservando o meio ambiente e ainda conseguir reverter o valor para melhorar o atendimento, para  mais pessoas e com mais qualidade”, acrescenta Solange.

“Somos 100% sustentáveis em termos de energia limpa e renovável”, finaliza. Além da instalação da usina no Instituto, o Ramacrisna participa de um grupo com o Rotary Club BH Liberdade, que viabilizou a construção de outras quatro estruturas em organizações sociais: uma em Ibirité, outra em Belo Horizonte e mais duas em Montes Claros.

Já em parceria com a BrazilFoundation, o Ramacrisna participou da instalação de uma usina fotovoltaica em Igarapé. 

Além disso, no curso de eletricista, os alunos também aprendem a instalar placa fotovoltaica. Assim, todo o processo se complementa, formando e qualificando pessoas e dando apoio para as pessoas que querem ter a energia fotovoltaica em casa. O curso de profissionalização é exclusivo do Ramacrisna no estado.

Saiba mais sobre nossas ações ESG

O Instituto Ramacrisna investe, desde a sua criação, em ações ligadas à sustentabilidade, social e governança (ESG). É o caso do investimento em transparência, treinamentos para competência em gestão dos funcionários, em parceria com a Fundação Dom Cabral e oferta de cursos profissionalizantes, apoio pedagógico e outros projetos para a comunidade, por exemplo. 

Se você se interessou em implementar boas práticas baseadas em ESG na sua empresa, conte conosco. O Ramacrisna oferece para empresas soluções em gestão, administração e execução de diversos tipos de projetos sociais exclusivos e personalizados para atender as necessidades da empresa. 

Entre em contato e saiba mais.

compartilhar:

Receba nossas notícias