Notícias

Notícias

ORQUESTRA JOVEM CONTINUA COM AULAS ONLINE

Alunos da Orquestra Jovem do Ramacrisna estão tendo aulas online

60 jovens moradores de área rural de Betim que fazem parte da Orquestra Jovem Ramacrisna estão conseguindo continuar suas aulas de teoria musical e prática em instrumentos de cordas, sopro e percussão. É que eles trocaram as aulas presenciais por onlines devido ao isolamento social.

Sob regência do Maestro Eliseu Barros, a Orquestra foi fundada em 2005 com o objetivo de trazer para os participantes, com idades entre 9 e 25 anos, a beleza do universo da música instrumental. “Neste período de pandemia desde quando foi decretado o isolamento social em Betim e, consequentemente, no Ramacrisna, nós tomamos a postura de continuar as aulas, mas de uma outra forma. Enviamos aulas por vídeo e em alguns momentos fazemos conferências. Na maioria das vezes passamos tarefas e lições de repertório e até gravações. Os alunos nos devolvem com vídeos deles com as lições. Desta forma, assistimos e damos um feedback para eles: o que esta ok, se a lição está boa, onde tem que melhorar? Como se fosse uma aula normal”, explica o maestro Eliseu. Segundo ele, as aulas por vídeos tem sido um forma muito interessante de manter os alunos conectados com os instrumentos e também oferece uma ocupação em casa. “E os resultados tem sido excelentes, principalmente, o envolvimento deles”.

Para a vice-presidente do Instituto Ramacrisna, Solange Bottaro, o esforço dos professores para que as aulas continue mesmo online foi muito importante. “Além disso, com as vídeos aulas, os jovens continuam o contato com a música e desenvolvem suas habilidades e acaba sendo uma ocupação também neste período.
Para a aluna Patrícia Costa, de 16 anos, as aulas virtuais tem sido ótimas companhias. “Mesmo em casa podemos ter acesso aos professores, e ter mais conhecimento da música. Claro, que não é igual as aulas presencias em que temos contato com os professores, mas já ajuda bastante e não nos deixam atrasados em relações aos estudos”. A aluna confessa que tem aprendido ser mais disciplinada, já que precisa tirar um tempo para ver e gravar os vídeos, e por isso tenta planejar melhor seu dia. “Tem sido uma nova experiência, além disso, através da tecnologia, estamos conseguindo aprender em casa, e cooperando assim para o meu futuro”.
O aluno Matheus de Jesus, 16 anos, conta que os professores tiveram a ideia de fazer estudos e aulas através de vídeos e que está sendo uma experiência inovadora. “Pelo bem do nosso aprendizado estamos conseguindo efetuar tudo com sucesso e preservar nossos aprendizados. Eu agradeço por tudo que está sendo feito pelos músicos”. Também integrante da Orquestra a aluna Francielly Rosa, 21 anos, conta que tem amado as aulas através de vídeo aula. “Uma vez na semana cada aluno manda sua aula para seu professor analisar e ver seu desenvolvimento. Está sendo uma experiência nova e bem diferente mais logo estaremos juntos com nossos ensaios e nossas aulas”.

Maycon Mendonça, 17 anos, concorda com os amigos e diz que tem sido uma nova experiência. “Pois mediante a situação que nos encontramos de distanciamento social eles ainda continuam acompanhando nosso aprendizado musical. Em nome de toda orquestra, eu agradeço aos professores e aos demais responsáveis por nós, obrigado”. Débora de Jesus, 18 anos, faz questão de enaltecer a equipe e a preocupação de todos. “A direção juntamente com os professores tiveram a ideia de pedir aos alunos que mandassem vídeo aulas, e com isso os professores nos ajudariam no que precisássemos. Vem sendo uma experiência diferente, porem boa, mesmo distante continuo com os estudos e aprendendo cada vez mais com os professores.”


Receba nossas notícias